ACADÊMICOS

EFETIVOS E PERPÉTUOS

ACADÊMICO

cadeira-05.png
Cadeira nº 05

Nasceu em 27/10/1949 em Araripina/PE, filho de Manoel Bento Sousa e Maria Amélia da Conceição Sousa, com 6 anos de idade, acompanhado de sua genitora migrou para São Luís/MA, passando a se considerar verdadeiramente maranhense.

Na trajetória educacional, social e profissional, conquistou os seguintes degraus:

Curso primário – Centro Educacional Coelho Neto no Bairro da Alemanha em São Luís/MA (1964); Ginásio Industrial Escola Técnica Federal do Maranhão (ETFMA), em 1968; Colegial de Química – Escola Técnica Federal do Maranhão, em 1971; Aprovado no Vestibular da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) no curso de Matemática Licenciatura, em 1973; Aprovado no Vestibular da UFMA no curso de Química Licenciatura – 1980, não concluindo o curso, tendo sido feito até o 6º período; Curso de Direito pela Instituição Faculdade Santa Terezinha – CEST, em 2007; Professor de Química e Matemática no Centro de Ensino Senador José Sarney – Santa Inês/MA, entre os períodos de 1985 a 1990); Aprovado no Concurso do Estado para professor de Química, em 1990.

Ingressou na Polícia Militar do Maranhão (PMMA), em 01/08/1969, como soldado PM, na antiga 3ª Companhia de Trânsito, vinculada ao 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM), foi promovido a Cabo PM em 30/06/1970 e a 3º Sargento PM em 15/01/1972, servindo na mesma Companhia de Trânsito e em janeiro de 1973, foi aprovado no Curso de Formação de Oficiais (CFO), sendo indicado para cursá-lo na Academia de Polícia General Edgard Facó em Fortaleza/CE, concluindo o curso em 20 dezembro de 1975, quando foi declarado Aspirante-A-Oficial PM.

Foi promovido a 2º Tenente PM em 21 de agosto de 1976 pelo critério de antiguidade e no mesmo ano, foi aprovado em 1º lugar no curso de Química Licenciatura, na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), cursando até o 6º período. Em 1976, foi transferido para a 2ª Companhia de Trânsito do 2º Batalhão de Polícia Militar em Caxias/MA, como Oficial Subalterno (2º tenente PM) desempenhou as funções de subcomandante e em seguida acumulou as funções, como diretor da Circunscrição Regional de Trânsito (CIRETRAN) que se instalava naquela cidade.

No período de 1977 até 1979, ficou agregado, para exercer a função de Delegado Regional da Polícia Civil de Caxias (integrada por nove Delegacias de Polícia), mas, mesmo assim, foi promovido ao posto de 1º Tenente pelo critério de antiguidade em 21 de agosto de 1978. Em 1980, retornou a PMMA e ao se apresentar na corporação, assumiu a Companhia do Comando Geral (CCG) e em seguida foi classificado no CFSP como instrutor do Curso de Formação de Soldados (CFSD), Curso de Formação de Cabos (CFC) e Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos (CAS). Na 2ª metade da década de 1980, foi classificado na 2ª Companhia de Trânsito PM Independente em Pindaré Mirim/MA.

Em 15 de dezembro de 1985, foi promovido ao posto de Capitão PM pelo critério de antiguidade e em 1988, foi indicado para cursar o Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO) em Fortaleza/CE onde após concluí-lo foi promovido ao posto de Major PM em 1989.

Foi professor de Química contratado pelo Estado em Santa Inês/MA, no Colégio Senador José Sarney de 1984 a 1990.

No ano de 1989, com a indicação de Coronéis da Reserva, respectivamente (Vieira e Riod) para o comando geral da PMMA, não satisfeito, juntou-se a mais de 40 oficiais, no clube dos oficiais, em repúdio ao ato administrativo, feito sem base jurídica, sendo na ocasião, enquadrado como desertor, até revisão feita pelo Governo, e voltar tudo ao estado normal, ou seja, nomeação somente para o oficial da ativa.

Em 1990 foi aprovado em 15º lugar no concurso do Estado, para professor de Química, não chegando ao ato de nomeação, por motivos funcionais.

Em 1993, assumiu o comando da 1ª Companhia Independente em Pinheiro/MA e em 1994, o comando do 6º BPM, em 1995 o comando do 1º BPM, em 1997, o comando do 1º BPM, em seguida respondeu pelo setor de Licitações da DAL e pela Diretoria de Finanças.

Frequentou o Curso Superior de Polícia (CSP) na Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia (UFBA) – Salvador/BA – tendo concluído em 19/12/1996.

Foi promovido a Coronel QOPM em 10 de janeiro de 1998, sendo transferido para a Reserva Remunerada em 25 de maio de 1998.

No ano de 2005 foi convidado para integrar uma Comissão que elaborou a obra: “Polícia Militar do Maranhão - Apontamentos para a história”, editado no ano de 2006.

É acadêmico fundador da Academia Maranhense de Ciências, Letras e Artes Militares (AMCLAM), na qualidade de Efetivo e Perpétuo, titular da cadeira nº 5, patroneada por Adevaldo Wilson Pereira.